Faltou trabalho para 26,3 mi de brasileiros no último trimestre de 2017

No último trimestre de 2017, a taxa de desocupação do país ficou em 11,8%, após reduzir 0,6 ponto percentual em relação aos três meses anterior
Já os melhores índices foram observados em Santa Catarina (6,3%), Mato Grosso do Sul (7,3%), Mato Grosso (7,3%), Rondônia (7,6%) e Rio Grande do Sul (8%).

Foi a primeira vez que a Pnad divulga os dados sobre desalento. O contingente no quarto trimestre foi de 4,3 milhões, considerado o maior desde 2012. Quase 60% do grupo é do Nordeste. Bahia (663 mil) e Maranhão (410 mil) são as principais unidades com o número de desalentados.

(correiobraziliense.com, 22.02.18)

Deixe uma resposta